PROJETO: INSTITUCIONAL ANO: 2002 METRAGEM: 8.593,55 m² Marco Aurélio Careta

Cenotáfio do Homem Moderno

No formato de uma praça aberta voltada à reflexão e contemplação, esta criação/manifesto arquitetônico foi realizada como trabalho final de graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas, no final do ano de 2002. Pensada para ser implantada numa área desocupada próxima à subprefeitura de Sousas, distrito de Campinas, no encontro do Ribeirão das Capivaras com o Rio Atibaia, a mesma resultou em 8.593,55m² projetados. Um cenotáfio é um monumento funerário que não contém os restos mortais daquele ao qual o mesmo é erigido.

Memorial